Trump volta a queixar-se de um juiz, mas desta vez o Supremo respondeu

Ao fim de dois anos a ouvir críticas de falta de independência no poder judicial, John G. Roberts fez uma declaração rara e inesperada: "Nós não temos juízes de Obama ou juízes de Trump, nem juízes de Bush ou juízes de Clinton."

Subscreva o programa Fogo e Fúria no iTunesSoundCloudSpotify e nas aplicações para podcasts. Descubra outros programas em publico.pt/podcasts