A Turquia de Erdogan

Com um chapéu tradicional oferecido por um convidado do Turquemenistão, em Abril de 2011 REUTERS
Fotogaleria
Com um chapéu tradicional oferecido por um convidado do Turquemenistão, em Abril de 2011 REUTERS

Neste domingo, 16 de Abril, os turcos vão votar, desta vez num referendo nacional. Em cima da mesa estão alterações constitucionais que estabeleceriam na Turquia um regime presidencialista, que permitiria ao actual Presidente Recep Erdogan ficar no poder até 2029, com ainda mais poderes. Seria mais um passo na transformação da Turquia num país cada vez mais centrado na figura do seu Presidente, um processo que conheceu um impulso ainda maior após o golpe de estado falhado de 15 de Julho do ano passado.

No dia das eleições municipais, em Março de 2014
No dia das eleições municipais, em Março de 2014 REUTERS/Murad Sezer
Turkey's Prime Minister Tayyip Erdogan (3rd R) greets his supporters with his family members in Ankara March 31, 2014.
Turkey's Prime Minister Tayyip Erdogan (3rd R) greets his supporters with his family members in Ankara March 31, 2014. REUTERS/Umit Bektas
O Presidente com a sua mulher, Emine, entregam flores a apoiantes, em Maio de 2014
O Presidente com a sua mulher, Emine, entregam flores a apoiantes, em Maio de 2014 REUTERS/Wolfgang Rattay
No seu gabinete na sede do partido AKP, em Ancara, em Junho de 2011
No seu gabinete na sede do partido AKP, em Ancara, em Junho de 2011 REUTERS/Umit Bektas
Em 2011 na Líbia, na altura como Primeiro-ministro turco
Em 2011 na Líbia, na altura como Primeiro-ministro turco REUTERS/Esam Al-Fetori
Após as eleições presidenciais em 2014
Após as eleições presidenciais em 2014 REUTERS/Osman Orsal
Ainda enquanto Primeiro-ministro, após um encontro bilateral com a Chanceler alemã Angela Merker, em Outubro de 2010
Ainda enquanto Primeiro-ministro, após um encontro bilateral com a Chanceler alemã Angela Merker, em Outubro de 2010 REUTERS/Fabrizio Bensch
Durante um comício para as eleições presidenciais de 2014
Durante um comício para as eleições presidenciais de 2014 REUTERS/Murad Sezer
Outubro de 2009
Outubro de 2009 REUTERS/Umit Bektas
Numa visita oficial ao Ministério da Água e das Florestas, em Agosto de 2015
Numa visita oficial ao Ministério da Água e das Florestas, em Agosto de 2015 Reuters
O Presidente Erdogan discursa para os seus apoiantes durante um comício pelo sim no referendo
O Presidente Erdogan discursa para os seus apoiantes durante um comício pelo sim no referendo REUTERS/Murad Sezer
Apoiantes do Presidente num comício pelo sim no referendo
Apoiantes do Presidente num comício pelo sim no referendo Yasin Bulbul/Presidential Palace
Em Istambul, em Agosto de 2014
Em Istambul, em Agosto de 2014 REUTERS/Osman Orsal
Numa cerimónia oficial em Istambul em Março de 2016
Numa cerimónia oficial em Istambul em Março de 2016 REUTERS/Tolga Bozoglu
Num encontro com o Presidente Vladimir Putin no Kremlin, em Moscovo, em Março deste ano
Num encontro com o Presidente Vladimir Putin no Kremlin, em Moscovo, em Março deste ano REUTERS/Sergei Ilnitsky
O Presidente turco posa junto dos polícias antes de um jogo do Besiktas, em Istambul, em Dezembro do ano passado
O Presidente turco posa junto dos polícias antes de um jogo do Besiktas, em Istambul, em Dezembro do ano passado REUTERS/Yagiz Karahan
A beijar a bandeira da Turquia na Universidade de Ancara, em Junho de 2015
A beijar a bandeira da Turquia na Universidade de Ancara, em Junho de 2015 REUTERS/Umit Bektas
Em Junho de 2013, à chegada ao aeroporto Ataturk em Istambul
Em Junho de 2013, à chegada ao aeroporto Ataturk em Istambul REUTERS/Osman Orsal
A carregar um dos caixões com uma vítima resultante do golpe falhado, em Julho de 2016
A carregar um dos caixões com uma vítima resultante do golpe falhado, em Julho de 2016 REUTERS/Murad Sezer
Numa cerimónia no  mausoléu de Ataturk, em Ancara, no 67.º aniversário da sua morte, em Novembro de 2005
Numa cerimónia no mausoléu de Ataturk, em Ancara, no 67.º aniversário da sua morte, em Novembro de 2005 REUTERS/Umit Bektas
Na inauguração de uma estação de metropolitano em Istambul, em Janeiro de 2009
Na inauguração de uma estação de metropolitano em Istambul, em Janeiro de 2009 REUTERS/Osman Orsal
Em 2003, como líder do AKP em Ancara
Em 2003, como líder do AKP em Ancara REUTERS
Em Ancara, em Fevereiro de 2010
Em Ancara, em Fevereiro de 2010 REUTERS/Umit Bektas
Num discurso para deputados do seu partido no parlamento turco em Janeiro de 2010
Num discurso para deputados do seu partido no parlamento turco em Janeiro de 2010 REUTERS/Umit Bektas
Sugerir correcção