Associação leva cultura portuguesa ao Sudoeste da França

Com a Lire, Vivre & Goûter, un avenir, a literatura e a gastronomia nacionais voltam a ter palco na Nova Aquitânia.

Foto

A presença da cultura portuguesa no Sudoeste da França vai regressar à ordem do dia pela mão da mesma protagonista que, entre o final dos anos de 1980 e 2003, organizou o Carrefours de la Littérature e duas edições do Saveurs de Porto: Sylviane Sambor. Agora, o instrumento que garantirá o intercâmbio cultural entre a região da Nova Aquitânia (capital em Bordéus) e Portugal vai ser uma associação que se propõe “promover, através da reflexão mas também da acção, fórmulas inovadoras e variadas de leitura e de fruição da literatura em relação directa com a cultura do vinho”. A associação chama-se Lire, Vivre & Goûter, un avenir (LVGA), é dirigida por Sylviane Sambor e por Julie Bernard Le Bec e tem entre os seus padrinhos algumas dezenas de intelectuais e personalidades associadas ao vinho e à gastronomia de Portugal e de França, entre os quais o ensaista Eduardo Lourenço.

Na apresentação da associação no Porto, Sylviane Sambor falou de um regresso às origens através de um projecto que pretende reaproximar culturalmente duas cidades do vinho, o Porto e Bordéus. Na primeira vaga, organizaram-se em França importantes eventos ligados à literatura portuguesa – em 2001, um mereceu a presença do então Presidente da República, Jorge Sampaio. Desta vez, o programa da LVGA estreia-se com a inauguração de um espaço em Chauvigny, uma pequena cidade medieval (sete mil habitantes) próxima de Poitiers. A Casa da Leitura e dos Sabores, que será aberta no final de Julho, será “um misto de livraria, salão de chá e espaço de encontro e debate dedicado às literaturas e culturas mediterrânicas”, diz Sylviane Sambor. A abertura coincide com a estreia do festival Echappée Estivale à Chauvigny, a decorrer entre 30 de Julho e 11 de Setembro, que será dedicado à cultura portuguesa. Rui Moreira, presidente da Câmara Municipal do Porto, será o convidado da inauguração.

Posteriormente, em 2019, será lançada pela editora L'Escampette a terceira edição de Saveurs de Porto, um guia literário da cidade. As primeiras edições, em 1991 e 2003, foram dirigidas respectivamente por Eduardo Paz Barroso e por José Nogueira Gil e contaram com textos de, entre outros, Eugénio de Andrade, Eduardo Lourenço, Manuel António Pina e Christian Seguin. A próxima será dirigida pelo jornalista do PÚBLICO Sérgio C. Andrade.