Hackers enviaram mensagem no Twitter da Associated Press sobre explosões na Casa Branca

Agência noticiosa teve de suspender a conta.

Obama numa cerimónia esta tarde, num dos jardins da Casa Branca
Foto
Obama numa cerimónia esta tarde, num dos jardins da Casa Branca Jewel Samad/AFP

Esta tarde, o Twitter da agência noticiosa Associated Press publicou uma mensagem que noticiava terem havido duas explosões na Casa Branca e que Barack Obama estava ferido. A mensagem era falsa e a conta foi assaltada por hackers, afirmou a agência.

Poucos minutos após a publicação, a Associated Press suspendeu a conta no Twitter, que se mantém inactiva à hora de publicação desta notícia, mas a mensagem espalhou-se rapidamente pela Internet.

A principal correspondente da agência na Casa Branca esclareceu, numa conferência na própria Casa Branca, que a conta tinha sido atacada. Por seu lado, o assessor de imprensa de Obama garantiu que o Presidente estava ileso.

Após a mensagem publicada no Twitter, as bolsas americanas tiveram uma queda ligeira. Entretanto, a agência explicou que, nos últimos dias, alguns computadores da Associated Press tinham sido alvo de infecções por software malicioso, capaz de roubar dados como nomes de utilizador e palavras-passe de emails e outros serviços.

Também no Twitter, a autoria do ataque foi reclamada numa conta com o nome SyrianElectronicArmy (Exército Electrónico Sírio), associada a um site homónimo, do que parece ser um grupo que se dedica a vários tipos de ataque informático.

Sugerir correcção