“Os Verdes” questionam Governo sobre construção da “cidade do cinema” em área classificada

A iniciativa, do deputado Francisco Madeira Lopes, pretende que o Ministério do Ambiente responda se tem conhecimento do protocolo de intenções, aprovado a 12 de Novembro de 2008 pela Câmara de Sintra e que abrange ainda a Media Capital Produções e o Casal da Granja de Stª Cruz – Promoções Turísticas, Lda.

O partido quer ainda saber se o Governo já recebeu o pedido de Parecer sobre a classificação do projecto para a construção de um centro de produção audiovisual como tendo Potencial Interesse Nacional (PIN), uma necessidade decorrente de a construção abranger 50 hectares em área de REN e 150 hectares em RAN, nas proximidades da serra da Carregueira.

“Os Verdes” perguntam também se o Governo “considera pertinente a realização de um Estudo de Impacto Ambiental antes da tomada de decisão sobre este PIN”.

Segundo o partido, já se realizaram ensaios de prospecção nos terrenos em causa, a 13 de Novembro, com recurso a maquinaria pesada “de duvidoso enquadramento legal”.

O projecto visa a instalação entre o Sabugo, Casal da Mata e Vale de Lobos de até 12 estúdios de produção e seis cidades cenográficas.