Jean-Claude Juncker

Todos os tópicos

  • Ao longo de seis páginas de entrevista, o primeiro-ministro assume que há um limite que o Governo não passa: o limite a partir do qual a trajectória de redução da dívida e do défice fique comprometida".

  • Costa terá de decidir ao longo do próximo ano como posicionar o PS, o Governo – e o país – no debate mais decisivo que tem pela frente. E com isso pode virar o tabuleiro da política.

  • A verdade é que a crise de identidade europeia provocada pelo “Brexit” e pelo triunfo populista do trumpismo obriga a levantar a cabeça.