Primeiro-ministro britânico anuncia o fim da “era dourada” nas relações com a China

Sunak diz que a China representa um “desafio sistémico” aos “valores e interesses” do Reino Unido e afasta “ideia ingénua” de que as trocas comerciais vão originar reformas no país asiático.

Foto
Rishi Sunak discursou num banquete em homenagem ao Lord Mayor de Londres, Nicholas Lyons Reuters/TOBY MELVILLE

No seu primeiro grande discurso sobre Política Externa, proferido no sábado à noite, o primeiro-ministro britânico, Rishi Sunak, afirmou que a “era dourada” das relações entre o Reino Unido e a República Popular da China “chegou ao fim”.

Sugerir correcção
Ler 3 comentários