Líderes de toda a Europa alinhados na rejeição da guerra de Putin contra a Ucrânia e o Ocidente

Praga acolhe, esta quinta-feira, a reunião inaugural da nova Comunidade Política Europeia, um “processo intergovernamental” que junta todos os países do continente interessados em cooperar para responder aos desafios relacionados com a paz e a estabilidade no seu espaço geográfico.

Foto
O castelo de Praga será o local de encontro dos líderes europeus MARTIN DIVISEK/EPA

No actual contexto de “gravidade extrema” que a Europa vive em resultado da escalada da guerra de agressão da Rússia contra a Ucrânia, o facto de todas as delegações convidadas a participar na primeira reunião da Comunidade Política Europeia (CPE) terem confirmado a sua presença no evento — e o seu interesse em reforçar os mecanismos de cooperação para responder aos desafios relacionados com a paz e estabilidade do continente — está a ser apresentado como a prova definitiva do fracasso da estratégia de Putin de dividir e intimidar os aliados europeus, com a sua retórica contra o Ocidente.

Sugerir correcção
Ler 10 comentários