Imprensa regional espera e desespera pelos CTT

Directores do Mirante (Miranda do Corvo), Trevim (Lousã) e TVS (Lousada) queixam-se que os jornais chegam tarde aos assinantes. CTT dizem que têm falta de carteiros e dificuldades em contratar.

Foto
Os Correios abriram em Maio um processo para recrutar carteiros em todo o país Fabio Augusto

A entrega dos jornais aos assinantes pelo correio tem sido, nos últimos tempos, uma dor de cabeça para alguns títulos da imprensa regional, que se empenham em fazer chegar aos leitores informação em tempo útil. Pessoas que recebem o jornal com dias ou semanas de atraso, e outras que recebem duas edições “de uma vez”, são histórias que se repetem na Lousã e na vizinha Miranda do Corvo (distrito de Coimbra) ou, mais acima, em Lousada (distrito do Porto), como contaram ao PÚBLICO os responsáveis destas publicações.

Sugerir correcção
Ler 9 comentários