PAN volta à regulamentação do lobbying: advogados têm que se registar; políticos e familiares obrigados a quatro anos de período de nojo

Regime foi aprovado na generalidade na anterior legislatura com projectos do PAN, CDS e PS mas ficou na gaveta com a dissolução do Parlamento.

Foto
Inês Sousa Real, deputada única do PAN, recupera o tema do lobbying Daniel Rocha

É a terceira tentativa: o PAN volta a insistir na proposta de regulamentação do lobbying usando o seu texto que já tinha sido aprovado na legislatura passada com os votos do PS e CDS e acrescentando-lhe algumas regras de pormenor que a associação cívica Transparência e Integridade (TIAC)​ tinha então sugerido num parecer sobre os três projectos em discussão.

Sugerir correcção
Comentar