Varíola-dos-macacos: DGS pondera vacinar pessoas com múltiplos parceiros sexuais

Em Portugal há mais 48 casos confirmados esta semana, são já 633 no total que inclui agora duas mullheres infectadas. Até esta quinta-feira, a dificuldade em identificar os contactos de risco das pessoas infectadas tem mantido números baixos de doses de vacina administradas.

Foto
Em Portugal, são vacinados apenas os contactos de risco de um caso confirmado ou suspeito ERIC GAILLARD/REUTERS

O próximo passo na estratégia de contenção da varíola-dos-macacos em Portugal deverá ser o alargamento da vacinação. Depois dos contactos de risco será a vez de vacinar preventivamente pessoas com múltiplos parceiros sexuais – uma hipótese para o curto prazo avançada pela Direcção-Geral da Saúde (DGS).

Sugerir correcção
Ler 4 comentários