Bannon começa a ser julgado por desobediência e promete ser “medieval”

Arranca esta segunda-feira o julgamento do antigo conselheiro de Trump, que recusou colaborar com a comissão parlamentar de inquérito sobre o ataque ao Capitólio dos EUA.

Foto
Steve Bannon, ex-conselheiro de Donald Trump MARTIN DIVISEK/EPA

O antigo conselheiro de Donald Trump e podcaster de direita Steve Bannon tinha garantido que as acusações de desobediência ao Congresso dos Estados Unidos feitas contra si iriam tornar-se numa “contra-ordenação do inferno” para a Administração Biden, mas depois de várias decisões judiciais terem derrubado a sua defesa, os especialistas em assuntos jurídicos acreditam que o início do seu julgamento, marcado para esta segunda-feira, pode vir a ser uma curta viagem ao tribunal.

Sugerir correcção
Ler 13 comentários