Georges Dambier: na rua é que se está bem

Foi um dos grandes da fotografia de moda e ajudou levá-la aos píncaros nos anos 1950/60. Em 1957, Georges Dambier veio a Portugal e misturou tradição e modernidade. O Museu do Traje mostra o seu pioneirismo em levar a moda para a rua.

Foto
Georges Dambier

No final da década de 1950, Portugal estava longe de ser um país na ou de moda. Ainda assim — e apesar de mergulhado numa ditadura e rigidamente controlado —, era um país que suscitava uma certa curiosidade e não foram poucos os fotógrafos estrangeiros de renome que viajaram até cidades e vilas à procura do seu lado mais “pitoresco”, uma faceta muito promovida pelo regime salazarista.

Sugerir correcção
Comentar