Parte de um foguetão da Space X vai colidir com a Lua

Deve ser a primeira queda não intencional de lixo espacial no satélite natural da Terra, e deve ocorrer no lado oculto da Lua. Mas se conseguirmos calcular o local exacto da colisão, duas sondas lunares poderão observar o choque de camarote.

Foto
A colisão vai acontecer no lado oculto da Lua, mas poderá ser seguida pelas duas sondas em órbita do satélite natural da Terra EPA/ARMANDO BABANI

Uma parte de um foguetão da Space X, lançado a partir da Florida em 2015 para pôr em órbita um satélite de observação do clima, está numa rota de colisão com a Lua e o impacto deve acontecer a 4 de Março. Provavelmente não devemos ver grande coisa a partir do nosso planeta do que parece ser a primeira queda não intencional de lixo espacial no satélite natural da Terra, porque a colisão deve ocorrer no lado oculto da Lua, perto do equador, diz Bill Gray, um astrónomo que desenvolve software para rastrear objectos próximos da Terra, asteróides e cometas.

Sugerir correcção
Ler 8 comentários