Templo mítico de Hércules pode mesmo estar escondido na baía de Cádis

Equipa de investigadores da Universidade de Sevilha traz novas pistas sobre o mistério da localização do antigo templo com a descoberta de vestígios de um grande edifício romano e fenício.

Foto
Principais estruturas e transformações de terreno detectadas na área da actual foz do canal Sancti Petri DR

Há já algum tempo que arqueólogos e historiadores se debatiam com a dúvida sobre a localização de um grande centro de peregrinação da antiguidade. Agora, uma equipa de investigadores, coordenada pela Universidade de Sevilha, encontrou vestígios de um antigo edifício no canal Sancti Petri, na baía de Cádis, que pode confirmar a localização do santuário que terá sido visitado por importantes figuras, como Júlio César ou o general cartaginês Aníbal. A apresentação do trabalho que revela a provável localização do templo foi feita esta quarta-feira, em Cádis, por responsáveis do Departamento de Pré-História e Arqueologia da Universidade de Sevilha e da Delegação Territorial de Cultura do Governo Regional da Andaluzia em Cádis.

Sugerir correcção
Ler 2 comentários