Cinco minutos com o actor Kit Harington, que foi Jon Snow e agora é Marvel

Eternals — Eternos estreia-se esta quinta-feira. O filme é realizado pela vencedora dos últimos Óscares, tem uma agenda progressista, muitas estrelas e um actor que saltou de um fenómeno pop para outro. Marvel ou A Guerra dos Tronos? “É fazer parte de uma companhia de personagens.”

Foto
Kit Harington em Eternals — Eternos Marvel Studios/DR

As entrevistas virtuais da era covid-19 são uma grelha de quadradinhos habitados por pequenos rostos de jornalistas e mediadores de canais ou estúdios. No caso de um filme Marvel, sobretudo quando têm a incumbência de relançar toda uma nova fase do universo narrativo que domina o cinema de massas do século XXI, o processo é multiplicado por mais gente, mais quadradinhos e mais azáfama digital — o que significa menos tempo. É assim que se chega a uns espampanantes cinco minutos com um dos actores de Eternals — Eternos, o eterno Jon Snow de A Guerra dos Tronos, cuja carreira parece fadada a figurá-lo como avatar do “homem comum” entre super-poderes e criaturas fantásticas.

Sugerir correcção
Comentar