Vítor Matos criou para o Blind um menu que desperta todos os sentidos

O restaurante do Hotel Torel Palace, no Porto, homenageia a obra Ensaio sobre a cegueira mas é para provar de olhos - e ouvidos - bem abertos.

restauracao,alimentacao,gastronomia,fugas,jose-saramago,porto,
Fotogaleria
Carlos Vieira
restauracao,alimentacao,gastronomia,fugas,jose-saramago,porto,
Fotogaleria
Carlos Vieira

“Não tenha pressa mas não perca tempo.” Temos esta frase de José Saramago mesmo à frente dos olhos – esta e muitas outras que vão acendendo pequenos pontos de luz na penumbra da sala – e percebemos que ela faz todo o sentido. João Neves avisara que os primeiros momentos da refeição no Blind seriam mais rápidos, acalmando a meio do menu de degustação. “Não tenha pressa mas não perca tempo”, sorrimos, quando chega à mesa o “Pecado à colher” e nós ainda estamos a comentar e a “Sentir o Bosque”.

Sugerir correcção
Comentar