Comentários sobre gastos em vestidos valem acusação por difamação a Paulo Morais

Vice-presidente de Angola e a sua filha também exigem uma indemnização de 750 mil euros ao fundador da associação Transparência e Integridade. Debate instrutório marcado para início de Novembro.

Foto
DR

É caso para perguntar, afinal quanto é que custaram os nove vestidos comprados para o casamento da filha do actual vice-presidente de Angola, Bornito de Sousa, que estão na base desta polémica? Se no programa de televisão que acompanhou as provas dos vestidos, e a compra da filha do então ministro de Administração do Território, Naulila Graça, se fala em mais de 200 mil dólares (cerca de 150 mil euros), já na acusação particular que o governante e a filha intentaram contra Paulo Morais por difamação agravada são apresentadas sete facturas aparentemente emitidas pela firma norte-americana Kleinfeld, num total de quase 94 mil euros. 

Sugerir correcção
Ler 21 comentários