Rendeiro e a mulher recebem quatro mil euros de reforma, diz relatório social

Relatório feito pela técnica da Direcção-Geral de Reinserção e Serviços Prisionais diz que o ex-banqueiro e a mulher mantêm o padrão económico elevado que têm usufruído ao longo dos anos. No entanto, há credores a reclamar milhões a Rendeiro. Por exemplo, desde 2016, que o Tribunal da Concorrência tenta cobrar 2,5 milhões de euros em coimas.

Foto
evr enric vives-rubio

O relatório social para determinação de sanção do último processo que valeu, a 28 de Setembro, ao ex-banqueiro mais uma condenação, desta vez a três anos e seis meses de prisão por crimes de burla qualificada, revela que João Rendeiro e a mulher, Maria de Jesus Rendeiro, mantêm o padrão económico elevado que têm usufruído ao longo dos anos, auferindo no conjunto das reformas um total de quatro mil euros.