Cinco suspeitos dos atentados de 11 de Setembro julgados em Guantánamo

O julgamento recomeçou a dias de se concretizarem 20 anos desde os ataques terroristas. Provas podem não ser admissíveis por terem sido obtidas depois de anos de tortura nas mãos da CIA.

Foto
Os réus estão acusados de conspiração, terrorismo, atentado contra civis, sequestro de aeronaves e assassínio de 2976 pessoas a 11 de Setembro de 2001 Reuters/POOL

Os cinco suspeitos de planearem os atentados de 11 de Setembro, que mataram mais de três mil pessoas nos Estados Unidos, foram presentes a tribunal na terça-feira para uma audiência preliminar em Guantánamo, Cuba, onde estão detidos há mais de 15 anos. Os advogados de defesa argumentam que os interrogatórios conduzidos pelo FBI em 2007 devem ser declarados inadmissíveis, por terem sido levados a cabo depois de anos de tortura sob custódia da CIA.

Sugerir correcção
Ler 2 comentários