Bragança é a primeira cidade em Portugal a ter a alta velocidade já ali ao lado

Comboios que, para já, chegam aos 250 km/h ligam a estação de Sanabria (a 35 quilómetros de Bragança) a Madrid em menos de duas horas.

renfe,comboios,rede-ferroviaria,local,espanha,
Fotogaleria
A nova estação fica localizada junto à aldeia de Otero de Sanabria Ministério dos Transportes, Mobilidade e Agenda Urbana do Reino de Espanha
renfe,comboios,rede-ferroviaria,local,espanha,
Fotogaleria
Os preços começam nos 24 euros entre Sanabria e Madrid Ministério dos Transportes, Mobilidade e Agenda Urbana do Reino de Espanha
renfe,comboios,rede-ferroviaria,local,espanha,
Fotogaleria
A automotora Talgo da Renfe apelidada de “Frankenstein” que vai servir a estação de Sanabria AV Ministério dos Transportes, Mobilidade e Agenda Urbana do Reino de Espanha
renfe,comboios,rede-ferroviaria,local,espanha,
Fotogaleria
De momento, dos seis comboios em cada sentido entre Madrid e a Galiza que usam o corredor de alta velocidade, quatro vão parar em Sanabria Ministério dos Transportes, Mobilidade e Agenda Urbana do Reino de Espanha

Paradoxalmente, uma das primeiras capitais de distrito que em 1991 ficaria sem o comboio - com o encerramento da linha do Tua entre Bragança e Mirandela – é a partir desta quinta-feira a cidade portuguesa mais próxima de uma estação de alta velocidade, passando a ser servida por alguns dos comboios mais modernos e rápidos do mundo.