Férias (des)comprometidas

Uma criança deveria ter o direito a saber o que lhe dá prazer e não somente o que lhe causa preocupação.

Foto
As férias devem ser um momento de regozijo em pleno descomprometimento com o tempo Kelly Sikkema/Unsplash

Preocupa-me ouvir uma criança de 12 anos hesitar em responder à pergunta “o que gostas de fazer nos teus tempos livres?” Demasiadas vezes, respondem que fazem os TPC, para “ficarem despachados e não terem de se preocupar mais”. Uma criança deveria ter o direito a saber o que lhe dá prazer e não somente o que lhe causa preocupação.