Taça, jantares, noite académica: o que justificou o aumento de casos em Braga?

Incidência de casos por 100 mil habitantes tem vindo a descer no concelho, que não avançou no desconfinamento. Ricardo Rio exclui a hipótese de os festejos da conquista da Taça de Portugal terem contribuído para o crescimento do número de casos positivos em Braga.

Foto
Os últimos dados conhecidos indicam que há 238 casos activos em Braga LUSA/HUGO DELGADO

O concelho de Braga, um dos quatro que não avançaram no plano de desconfinamento com o resto do país, tem 176 casos por 100 mil habitantes, segundo o relatório da Autoridade Regional de Saúde (ARS) do Norte de 12 de Junho. A informação foi avançada pelo presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, ao PÚBLICO. No final da semana passada, a incidência era de 193 casos por 100 mil. “Mesmo a nível de novas ocorrências e casos activos, o número desceu”, aponta o autarca.

Sugerir correcção
Ler 2 comentários