Europa avisa que aditivo usado em molhos, gomas e chocolates é um risco para a saúde

A Autoridade Europeia de Segurança Alimentar emitiu um parecer a 6 de Maio que alerta os consumidores para o perigo do aditivo alimentar E171 (dióxido de titânio) usado em gelados, chocolates ou molhos.

Foto
Enric Vives-Rubio

Após um pedido da Comissão Europeia (CE) em Março de 2020, a Autoridade Europeia para a Segurança dos Alimentos (EFSA, na sigla em inglês) actualizou a sua avaliação sobre a segurança do aditivo alimentar dióxido de titânio (E171), considerando que pode representar um risco para a saúde dos consumidores. A CE deverá agora propor a proibição desta substância aos Estados-membros.