Portugal e Espanha juntos numa “marca ibérica”?

Estudo sobre a internacionalização dos dois países retoma a ideia de uma marca conjunta, a começar no turismo, mas podendo abranger outros sectores como a energia.

Foto
Nelson Garrido (arquivo)

Portugal e Espanha “têm muito a ganhar com uma cooperação mais intensa entre economias e empresas do que aquela que tem havido até agora” e a chamada “bazuca” europeia, constituída pelo fundo europeu de recuperação económico pós-covid, é “uma oportunidade para projectos de cooperação em diversas frentes”. É desta forma que abre o relatório sobre a internacionalização dos dois países ibéricos, apresentado em Espanha no início de Dezembro, e que culmina com a sugestão da promoção de uma “marca ibérica” associada a um turismo sustentável e acessível.