Michelle Obama usou um colar com a palavra “vote” e a sua criadora nem queria acreditar

A designer da marca afro-americana ficou sem palavras depois de ver Michelle Obama usar um colar da sua autoria durante o discurso na convenção democrata, na segunda-feira.

partido-democrata,joalharia,eua,michelle-obama,moda,barack-obama,
Fotogaleria
O colar utilizado por Michelle Obama durante o discurso na convenção do Partido Democrata soletra a palavra "vote" Reuters/POOL
partido-democrata,joalharia,eua,michelle-obama,moda,barack-obama,
Fotogaleria
LUSA/DEMOCRATIC NATIONAL CONVENTION HANDOUT
partido-democrata,joalharia,eua,michelle-obama,moda,barack-obama,
Fotogaleria
LUSA/DEMOCRATIC NATIONAL CONVENTION HANDOUT
partido-democrata,joalharia,eua,michelle-obama,moda,barack-obama,
Fotogaleria
LUSA/DEMOCRATIC NATIONAL CONVENTION HANDOUT
,Convenção Nacional Democrática de 2016
Fotogaleria
LUSA/DEMOCRATIC NATIONAL CONVENTION HANDOUT

Na segunda-feira, a ex-primeira-dama Michelle Obama fez um discurso na convenção do Partido Democrata, onde apelou ao voto em Joe Biden, fazendo referência às dificuldades económicas e de saúde que os EUA enfrentam sob o governo de Donald Trump. Mas não foram só as suas palavras que causaram impacto no público; o colar que escolheu também chamou a atenção.

A simples peça de joalharia com a palavra “vote” fez com que a marca ByChari chegasse às bocas do mundo e apanhou Chari Cuthbert, a proprietária, de surpresa. “Sentei-me à secretária e simplesmente chorei. Foi como se tudo pelo qual trabalhei chegasse de repente”, disse a designer à Vanity Fair.

Para a proprietária, só o facto de Michelle Obama usar um produto seu já é “um privilégio e uma honra”, mas tê-lo usado durante um discurso na convenção nacional democrata colocou o seu nome numa “plataforma que nem a sorte nem o dinheiro conseguem comprar”.

A linha de joalharia ByChari nasceu em 2012 e é “um reflexo da abordagem da designer Chari Cuthbert em relação à vida e ao estilo”. Desde então que tem reconhecimento junto de influencers digitais, mas foi agora com o destaque dado pela ex-primeira-dama que o seu nome e imagem alcançaram outro nível, o mundial.

Em Julho, a designer de Michelle, Meredith Koop, com quem aquela trabalha há vários anos, enviou um e-mail à marca a encomendar um colar. Depois de a equipa de comunicação da ByChari confirmar que era realmente um pedido para Michelle Obama, Cuthbert recorda que meteram mãos ao trabalho e responderam que a peça estaria pronta no espaço de uma hora.

Devido à altura em que o pedido foi feito, Chari calculou que o colar seria utilizado no aniversário de Barack Obama, no passado dia 4 de Agosto. Contudo, foi utilizado durante um dos discursos com maior impacto feito por Michelle, durante o horário nobre da televisão norte-americana.

A ByChari teve um aumento de vendas durante o confinamento, uma vez que as pessoas passaram mais tempo online, assim como no início do movimento Black Lives Matter, que levou as pessoas a adquirirem mais produtos criados por afro-americanos. Mas foi este destaque recente que fez com que Chari não tivesse mãos a medir, especialmente nas redes sociais.

Com este empurrão, a designer tem agora dois objectivos: criar uma versão mais acessível do colar usado por Michelle Obama (a original custa cerca de 300 euros) e contratar mais mulheres.

Texto editado por Bárbara Wong