Francisco Assis terá uma missão central no combate à crise

Francisco Assis é um espírito livre, um político autónomo, com fortes e fundamentadas convicções, com uma sólida preparação intelectual, com experiência política.

Francisco Assis foi eleito presidente do Conselho Económico e Social (CES), esta sexta-feira, pelos deputados à Assembleia da República, com 170 votos dos 228 expressos. Francisco Assis vai iniciar o seu mandato num período que se desenha de profundíssima crise económica e social, no qual o papel da Concertação Social será determinante, como instrumento democrático gerador de soluções consensuais e negociadas, que respondam às exigências que a crise vai colocar. O presidente do CES ​agora eleito terá, assim, uma missão decisiva e difícil.