Atraía vítimas pela Internet e engravidou rapariga de 13 anos

Suspeito já cumpriu pena de prisão duas vezes por crimes sexuais praticados na década de 1990 e na década de 2000.

pedofilia,sociedade,lisboa,policia-judiciaria,crime,justica,
Foto
Goncalo Dias

A Polícia Judiciária suspeita estar perante um predador sexual que se servia das redes sociais para procurar, seleccionar e atrair as suas vítimas. O homem, de 60 anos,  manteve relações sexuais com uma menor de 13 anos que engravidou. Esta quinta-feira, o Tribunal de Loures decidiu sujeitá-lo a prisão preventiva.