TAP deverá acabar o ano com menos dois mil trabalhadores contratados

Primeiro-ministro diz que empresa terá menos rotas, menos aviões e menos emprego com o plano que vier a ser acordado com Bruxelas. Capitais próprios da TAP já estão negativos em 776 milhões.

,CIA aérea
Foto
LUSA/MÁRIO CRUZ

O plano de reestruturação que a TAP terá de fazer para poder beneficiar da ajuda pública de até 1200 milhões de euros ainda terá de ser desenhado e negociado nos próximos meses com a Comissão Europeia, mas há centenas de trabalhadores que já o estão a sentir na pele.