Benfica confirma à CMVM rescisão com Bruno Lage

“Encarnados” interrompem assim o vínculo com o treinador, que durava até Junho de 2023.

bruno-lage,sl-benfica,desporto,i-liga,futebol-nacional,
Foto
LUSA/MANUEL DE ALMEIDA/POOL

O Benfica comunicou neste sábado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) a formalização da rescisão do contrato com Bruno Lage, que apresentou a demissão após o desaire com o Marítimo. A confirmação da separação surge no dia em que os “encarnados” retomam o campeonato, diante do Boavista (21h15).

“A Sport Lisboa e Benfica -- Futebol, SAD informa, nos termos e para o efeito do disposto no artigo 248.º-A do Código dos Valores Mobiliários, que formalizou hoje a rescisão do contrato de trabalho desportivo com o treinador Bruno Miguel Silva do Nascimento (Bruno Lage)”, avançam as “águias”, em comunicado.

Os “encarnados” já tinham confirmado as negociações com vista à quebra do vínculo, que vigorava até Junho de 2023, tendo agora chegado a um entendimento com o treinador que se sagrou campeão na última temporada, mas que nos últimos meses foi ultrapassado pelo FC Porto na liderança da Liga.

A série negra de resultados que o Benfica enfrenta actualmente ditou a troca de treinador, sendo que a escolha para assegurar este período de transição recaiu em Nelson Veríssimo, adjunto de Lage e quadro técnico do Benfica desde 2012. É o antigo defesa dos “encarnados” que vai, de resto, orientar a equipa logo à noite.

Sugerir correcção