Um fim-de-semana para celebrar e praticar ioga — dentro e fora de portas

De aulas de ioga ao ar livre a sessões transmitidas online e livros temáticos. Aqui ficam algumas ideias para celebrar ao longo do fim-de-semana o Dia Internacional do Ioga, que se assinala a 21 de Junho.

exercicio-fisico,bemestar,impar,ioga,internet,saude,
Fotogaleria
SÉRGIO AZENHA
exercicio-fisico,bemestar,impar,ioga,internet,saude,
Fotogaleria
SÉRGIO AZENHA
exercicio-fisico,bemestar,impar,ioga,internet,saude,
Fotogaleria
UNSPLASH

Oficializada em 2014 pela Organização das Nações Unidas e no dia que marca também o solstício de Verão no Hemisfério Norte, a data é dedicada à disciplina milenar com raízes na Índia, que leva ao tapete energia, concentração, meditação e relaxamento, com vista ao bem-estar do corpo e da mente. Entre as várias práticas do ioga estão modalidades como ashtanga, kundaliní, swásthya, hatha ou vinyasa.

Nos jardins do palácio de Monserrate, em Sintra, há uma aula de ioga ao ar livre. A iniciativa, organizada pela Federação Portuguesa de Yoga em conjunto com a Parques de Sintra, promete uma “experiência única”, com uma paisagem à medida da serenidade do programa. Conduzida pelas instrutoras Magali Stobbaerts e Maria Augusta, a aula está marcada para domingo, às 16h30. A participação é gratuita, mas requer inscrição prévia (através do e-mail federacaoportuguesayoga@gmail.com) e a compra do bilhete de acesso ao parque (8€ dos 18 aos 64 anos; 6,50€ dos seis aos 17 e seniores). 

A aula terá transmissão online no Facebook da Federação Portuguesa de Yoga, no âmbito do seu E-Festival FPY 2020, que convida para “dois dias de intenso mergulho nesta maravilhosa filosofia de vida”, a 20 e 21 de Junho, na companhia de duas dezenas de professores de todo o país. O encontro virtual tem lugar na plataforma Zoom, é gratuito e sujeito a inscrição na página da federação.

Voltando ao ar livre, nos sábados de 20 e 27 de Junho, às 11h, há Yoga no Parque de Serralves (Porto), na Clareira das Azinheiras. As sessões são limitadas a 20 participantes, têm a duração de uma hora e são vocacionadas para as famílias, com o objectivo de “criar um momento de vivência desta prática física ancestral (...) num convite à reflexão sobre a ligação corpo-natureza”. É necessária inscrição prévia e todos os materiais são da responsabilidade do participante (colchão, água, toalha). A entrada no parque custa 12€, valor sujeito a descontos.

O Dia Internacional do Ioga é também assinalado pela Confederação Portuguesa do Ioga que entra em directo do Áshrama de Oeiras, a partir das 10h, com um programa especial para acompanhar online nos respectivos canais de YouTube e Facebook. A iniciativa é organizada em conjunto com o município de Oeiras e conta com o apoio da Embaixada da Índia e a participação da Comunidade Hindu de Portugal.

Na mesma linha, a marca de roupa Oysho associa-se às comemorações do dia com uma maratona de treinos e sessões de meditação orientados por professores dos quatro cantos do mundo, entre as 8h e as 20h, nas suas contas de Instagram e YouTube. O programa completo pode ser consultado aqui

De olhos postos no bem-estar familiar, e já no campo da literatura, há uma série de títulos que incentivam a prática do ioga e mindfulness, para miúdos e graúdos. De exercícios que ajudam a fortalecer o corpo a formas de relaxar e lidar com as emoções, são várias as sugestões de leitura disponíveis nas livrarias. Yoga para Ti, Ser Maior: Mindfulness e Self-Care para Crianças e Pais, Jogos de Mindfulness e Eu Sou Yoga, todos da editora Nascente; e A Tua Cabeça é Como o Céu, da Fábula, são alguns dos exemplos dedicados à temática.