Harry e Meghan: “Pirralhos mimados” ou os futuros “príncipes do povo”?

Numa decisão histórica, os duques de Sussex anunciaram o afastamento da família real e levaram o Reino Unido a reflectir sobre o papel da realeza. Este pode ser o início de um novo modelo. Será o casal o herdeiro natural do título conquistado por Diana?

Fotogaleria
Harry e Meghan nos Invictus Games em Toronto, em 2017 Mark Blinch
Fotogaleria
Em Novembro de 2017 quando o casal anunciou o seu noivado EPA/FACUNDO ARRIZABALAGA
Fotogaleria
Harry e Meghan Markle à chegada a um evento em Nottingham, em Dezembro de 2017 Reuters/EDDIE KEOGH
Fotogaleria
Meghan à saída de uma celebração na Abadia de Westminster, em Março de 2018 Reuters/POOL
Fotogaleria
No início de Maio de 2018, o casal casou em Windsor, na capela de São Jorge Reuters/DAMIR SAGOLJ
Fotogaleria
O casal, no final do dia do casamento, a 19 de Maio de 2015 POOL New
Fotogaleria
O título de duques de Sussex foi dado por Isabel II, no dia do casamento. O casal já fez grandes viagens reais, passando por África e pela Austrália Reuters/POOL
Fotogaleria
No dia da Commonwealth, em Março de 2019, o casal à saída de Westminster Toby Melville
Fotogaleria
Em Maio de 2019 nasce Archie. Harry anuncia-o à imprensa Reuters/POOL
Fotogaleria
Os duques de Sussex apresentam o filho ao mundo Reuters/POOL
Fotogaleria
Em Julho de 2019 na ante-estreia do filme Rei Leão, com Beyoncé e Jay-Z Reuters/POOL
Fotogaleria
Na visita à África do Sul EPA/TIM ROOKE / POOL
Fotogaleria
A edição de Setembro da "Vogue" feita pela duquesa de Sussex Reuters/HANDOUT
Fotogaleria
Em Setembro, quando Archie foi apresentado ao arcebispo sul africano Desmond Tutu Reuters/TOBY MELVILLE
Fotogaleria
Harry e Meghan chegam, nesta quarta-feira, à Casa do Canadá, no dia em que anunciaram que querem deixar de ser altos membros da casa real britânica Reuters/TOBY MELVILLE
Fotogaleria
Nos jardins de Kensington, em Novembro de 2017, quando anunciaram o noivado EPA/NEIL HALL

A vontade de Harry e Meghan, de concretizar, financeira e fisicamente, um afastamento da família real, abalou a realeza britânica e fez lembrar a muitos as rebeldias da mãe do duque de Sussex, Diana, celebrizada como a “princesa do Povo” depois de ter perdido o título real. Mas o comunicado do casal, onde anunciam a decisão de se “afastar da posição de altos membros da Família Real e trabalhar” para se tornarem “financeiramente independentes”, adiantando a vontade de dividirem o seu “tempo entre o Reino Unido e a América do Norte”, parece levantar mais questões do que fornecer respostas.