Jorge Jesus é condecorado por Marcelo esta segunda-feira

Jorge Jesus foi o primeiro treinador português a disputar uma final de um mundial de clubes. A cerimónia de condecoração acontece pelas 17h30, no Palácio de Belém.

Foto
Jorge Jesus treina o Flamengo desde Junho de 2019 Reuters/IBRAHEEM AL OMARI

Jorge Jesus vai ser condecorado por Marcelo Rebelo de Sousa na segunda-feira, pelas 17h30. A condecoração ao treinador de futebol já tinha sido anunciada pela Presidência da República a 21 de Dezembro, mas não era ainda conhecida a data da cerimónia. A decisão de condecoração foi anunciada após terminar a final do campeonato de mundo de clubes, em que o Flamengo perdeu com o Liverpool por 1-0 no prolongamento.

Na nota do chefe de Estado, Marcelo Rebelo de Sousa justifica a condecoração com a Ordem do Infante Dom Henrique “pelo prestígio que o seu trabalho como treinador lhe granjeou, bem como a Portugal”. O Presidente da República assinalou as “importantes vitórias em Portugal” e destacou as conquistas “também no estrangeiro e, em particular no Brasil e na América Latina, com a vitória do Flamengo no Brasileirão e na Taça dos Libertadores”.

“Jorge Jesus é assim agraciado, como o foram no passado outros treinadores portugueses de grande destaque e, nomeadamente, que também ganharam grandes títulos internacionais”, completa a nota.

A Presidência da República irá aproveitar a estadia do treinador português em terras lusitanas durante a quadra natalícia para atribuir a condecoração. 

Esta não será a primeira distinção que Jorge Jesus recebe depois de se ter mudado para o Brasil. O treinador português recebeu o título de cidadão honorário da cidade da cidade brasileira dois dias depois de vencer a Taça Libertadores da América e no dia seguinte a conquistar o campeonato brasileiro pelo Flamengo. A cerimónia aconteceu na sede da Câmara de Vereadores do Rio de Janeiro, no Palácio Pedro Ernesto, e contou com familiares do técnico português.