Bolsonaro admite que fogos estão descontrolados: “Como vamos combater incêndios numa área destas?”

Já se registaram mais de 72 mil focos de incêndio no Brasil e uma das principais vítimas é a maior floresta do mundo, a Amazónia. Ambientalistas acusam Governo brasileiro de incentivar criminosos com as suas políticas ambientais. E alertam: “Podemos chegar a esse ponto muito rapidamente”.

O Presidente brasileiro já admitiu que o Estado brasileiro não tem recursos para combater as chamas
Foto
O Presidente brasileiro já admitiu que o Estado brasileiro não tem recursos para combater as chamas Reuters/Ueslei Marcelino

O Brasil está a arder há mais de duas semanas e a Amazónia é uma das principais vítimas das chamas que tudo consomem. O fumo é tanto que o Estado de São Paulo, a milhares de quilómetros, viu o dia virar noite. Depois de semanas de silêncio, só quebrado para fazer acusações, o Presidente Jair Bolsonaro admitiu, nesta quinta-feira, que a situação está “descontrolada” e que o Brasil não tem meios adequados para combater os mais de 70 mil fogos em todo o país.