Torne-se perito

Rádio Observador já arrancou em FM e em formato digital

Por enquanto, apenas está disponível em Lisboa em FM, mas o plano é fazê-la chegar ao Porto “brevemente”.

Foto
Rui Gaudencio

A rádio Observador arrancou esta quinta-feira em Lisboa, pelas 6h55, e online, contando com uma “programação variada”, sendo que “brevemente” deverá também chegar ao Porto, garantiu o publisher do jornal digital à Lusa.

“Nós vamos avançar amanhã de manhã [quinta-feira], a partir das 6h55, para já apenas em Lisboa, em FM, e online em todo o Continente”, assegurou José Manuel Fernandes, quarta-feira em declarações à Lusa.

De acordo com este responsável, as emissões podem também ser acedidas através da aplicação do Observador, nos smartphones e computadores, e conta com uma tecnologia que permite um consumo reduzido de dados móveis.

“Brevemente” esta rádio vai também chegar ao Porto, embora o seu arranque esteja dependente de algumas autorizações.

“As expectativas para a estreia são grandes, mas vamos andando passo a passo, [uma vez que] a nossa cobertura inicial não nos permite, no arranque, estar em todo o país”, sublinhou José Manuel Fernandes.

O publisher do Observador apontou ainda que esta “será uma rádio de informação, muito à imagem do que é o Observador: em cima dos acontecimentos, com um modelo centrado na cobertura da actualidade e na decifração dessa mesma actualidade”.

A cobertura será diária, ao longo de 24 horas, e a programação “variada”, com debates, entrevistas, revista de imprensa, espaço de economia, um programa de história, entre outros. “A equipa do Observador está integrada, todo o Observador trabalha para o mesmo dentro do mesmo espírito”, concluiu José Manuel Fernandes.

Sugerir correcção