Jody Thomas
Foto
Jody Thomas

Um retrato de 15 metros para homenagear Greta Thunberg

Jody Thomas, artista urbano, pintou um retrato de Greta Thunberg num mural de 15 metros, em Bristol. Utilizou tintas à base de água e pistolas de spray alimentadas por energia solar. “Ela está na ribalta e a liderar um assunto muito importante, que nos afecta a todos”, disse.

Num edifício de 15 metros, em Bristol, nasceu um retrato de Greta Thunberg parcialmente submersa em gelo derretido, coberta por um céu que indicia tempestade. A pintura assinada por Jody Thomas ocupa toda a parede lateral do edifício da Tobacco Factory, em Bristol — que actualmente funciona como um edifício multiusos, com teatro, escola de artes performativas, apartamentos e escritórios — e demorou mais de duas semanas a ser concluída.

Ela está na ribalta, é muito actual e contemporânea e está obviamente a liderar um assunto muito importante, que nos afecta a todos”, disse o artista ao HuffPost. “É muito destemida, diz as coisas exactamente como elas são.” O mural faz parte do  Upfest Summer Editions , um festival de arte urbana que está a acontecer em Bristol até Outubro.

No Instagram, Jody Thomas escreve que esta foi a maior parede que alguma vez pintou e que “65 a 70% foi pintada com tinta à base de água e com uma pistola de spray eléctrica, alimentada pela energia dos painéis solares da Tobacco Factory”. O artista utilizou apenas 25 latas de tinta spray convencional: “[As tintas] foram algo que tive em consideração, dado o tema que estava a pintar”, remata.

Steve Hayles, fundador do Upfest, disse ao HuffPost que espera que o mural “ajude a criar mais conversação sobre o tema das alterações climáticas e o efeito delas na comunidade”. E no Twitter do festival pode ler-se: “Imagens valem mais do que mil palavras, mas, neste caso, são as palavras de Greta Thunberg que pintam mil imagens.”