Auto-mutilação
Foto
Neil Webb/Getty Images
Opinião

O efeito protetor da família nos desafios da adolescência

Comunicar com os filhos é mais do que falar e ouvir. É ser capaz de escutar de forma ativa, curiosa e interessada; só deste modo é possível abrir os canais da comunicação, da confiança e do bem-estar.

A adolescência é considerada uma etapa do desenvolvimento com enormes desafios e exigências. O adolescente passa por profundas mudanças — físicas, psicológicas, emocionais e sociais — que implicam diversas (re)adaptações e (re)ajustamentos. É um novo mundo a descobrir, sobre si próprio e sobre os outros. Também uma família com um filho adolescente está perante um novo ciclo de vida familiar com novos desafios que a obriga, igualmente, a transformações e mudanças. Deste modo, temos dois ciclos de vida desenvolvimentais (individual e familiar) que se sobrepõem e em que a evolução de um é interdependente da do outro.