A boa alma do tempo nos Porto 20 anos

Ao combinarem as marcas do envelhecimento com aromas e sabores que denunciam o vigor dos vinhos jovens, os 20 anos são uma das principais montras da grandeza dos vinhos do Porto.

Foto
Caves da Graham's ADRIANO MIRANDA

Lá para o final de Novembro, quando o frio do Inverno europeu aperta e os vinhos produzidos no Outono estão ainda crus de mais para trabalhar, o enólogo Charles Symington reúne a sua equipa para se dedicar a um trabalho tão extenuante como compensador: fazer os lotes finais que daí a uns meses chegarão ao mercado com os rótulos de um Porto 20 anos. Durante pelo menos duas semanas, Charles andará pelos imensos armazéns que as empresas da família Symington têm em Vila Nova de Gaia, fazendo provas algures entre os cascos e balseiros onde se envelhecem 30 mil pipas de vinho do Porto, recolhendo amostras e começando a fazer as primeiras “balizas”.