Governo chumba pedido de exploração na serra da Argemela

Empresa que tem concessão para prospecção e pesquisa de vários minérios na serra da Argemela, na Covilhã, vai ver recusado o pedido para aprofundar trabalhos, por não ter ainda estudo de impacto ambiental

Tiago Brandão Rodrigues
Foto
daniel rocha

A empresa está a fazer o que a legislação lhe permite, e a aproveitar as situações que ela prevê. Mas o Governo está a levar a sério os anúncios que fez, de que não haverá nenhuma exploração mineira sem estudos de impacte ambiental e sem a respectiva declaração aprovada. Por isso, o pedido de exploração experimental que a Pannn, Consultores de Geociências, Lda (que tem desde 2011 uma concessão para prospecção e pesquisa de minérios na serra da Argemela, com mais de 400 hectares de área atribuída) fez entrar na Direcção-Geral de Energia e Geologia há cerca de um ano vai ser chumbado​.