Reportagem

Um sindicato de homens “rijos que nem cornos” que não quer nada com políticos

Falam com orgulho da independência que dizem ter de partidos políticos e de sindicatos tradicionais. Garantem que está apenas a ser “sustentada pelas quotas mensais dos associados”. Quem são os homens que estão a lançar a confusão no país?

Foto

Pouco mais de uma centena de homens em greve abriga-se da chuva miúda que na manhã de ontem caía sob o viaduto com vista para a entrada do parque da Companhia Logística de Combustíveis (CLC), em Aveiras de Cima, no concelho da Azambuja. É de lá que, desde terça-feira, estão a sair os “comboios” de camiões cisterna que garantem os serviços mínimos de abastecimento face à greve do Sindicato Nacional de Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP).