Alegre desistiu de recurso contra militar. Supremo julgou na mesma

O histórico socialista avançou com um recurso contra um militar para receber 75 mil euros, mas depois decidiu desistir. Em Março recebeu uma decisão. Tribunal diz que foi “lapso”.

Foto
Daniel Rocha

O Supremo Tribunal de Justiça (STJ) proferiu uma decisão a 13 de Março sobre um recurso do histórico socialista Manuel Alegre já depois de este ter desistido do mesmo em Agosto de 2018. O gabinete de comunicação do STJ confirmou, explicando que se tratou de “um lapso” e que a decisão, que negava provimento ao pedido do ex-político, já foi anulada.