Portugal declarado o melhor destino sustentável da Europa

Troféu ITB Earth Award 2019 foi atribuído na feira de turismo de Berlim e os "casos de sucesso" portugueses incluem Açores, Sintra e Cascais ou Alto Minho.

Fotogaleria
Açores, Flores - um dos destinos em destaque na ITB Berlim Enric Vives-Rubio
Fotogaleria
Palau - ITB Earth Award 2019 Reuters
Fotogaleria
Parque Nacional dos Galápagos (Equador) - vencedor nas Américas Nacho Doce/Reuters
Fotogaleria
Cidades: Liubliana (Eslovénia) Srdjan Zivulovic/Reuters

Um dos troféus “verdes” da ITB Berlim, que decorre até dia 10 e é considerada a maior feira de turismo do mundo, foi conquistado por Portugal, graças ao “exemplo de liderança global e inovação no turismo responsável e sustentável”, conforme se resume na lista de vencedores divulgada pela organização.

Os ITB Earth Awards 2019, que distinguiram outros países e regiões pelo mundo, foram anunciados na quarta-feira e resultam de uma parceria entre a feira alemã e a Green Destinations, uma fundação sem fins lucrativos dedicada precisamente ao turismo sustentável que, além de outras actividades, elabora um popular Top 100 dos destinos mais “verdes” do mundo.

Segundo informação da Green Destinations no seu site, a decisão foi tomada por um júri de especialistas, que elegeu os vencedores após análise dos "casos de sucesso em sustentabilidade" submetidos por candidatura. Entre os critérios, a fundação analisa as “boas práticas na gestão turística dos destinos” com vista ao futuro.

Entre os “casos de sucesso” destacados para a atribuição do prémio Best of Europe a Portugal, a Green Destinations refere, na página dos prémios, Águeda, Região Oeste, Açores, Cascais e Sintra, Lagos, Torres Vedras e Alto Minho (Comunidade Intermunicipal do Minho-Lima). Portugal era candidato ao galardão europeu com mais dois finalistas: Bled, na Eslovénia (ficou em 2.º lugar), e Mali Losinj, na Croácia (3.º).

PÚBLICO - Cascais
Cascais Pedro Cunha
PÚBLICO - Sintra, Cabo da Roca
Sintra, Cabo da Roca Nuno Ferreira Santos
PÚBLICO - Região Oeste - Óbidos
Região Oeste - Óbidos
Fotogaleria
Pedro Cunha

“É mais um atractivo e mais um cartão-de-visita para promover Portugal num mercado que valoriza tanto os destinos sustentáveis. É fantástico em termos de notoriedade internacional”, comentou Ana Mendes Godinho, Secretária de estado do Turismo, à agência Lusa, realçando tratar-se do “reconhecimento do trabalho e da estratégia do Turismo 2027”, o plano delineado pelo Governo com as metas para a indústria turística nacional, que inclui também metas ecológicas.

Para a secretária de Estado, a distinção agora conseguida coloca Portugal no “radar dos investidores e do público que, cada vez mais, faz as suas opções dos destinos de férias por critérios de sustentabilidade da própria oferta turística”. O país esteve também presente pela primeira vez num evento paralelo à ITB, o Fórum de Investidores Internacional de Turismo, onde estiveram mais de 2200 investidores, tendo sido apresentados vários destinos turísticos portugueses. Na feira, o destaque foi para as representações do Porto e Norte de Portugal, Centro de Portugal, ATL – Associação Turismo de Lisboa, Alentejo, Madeira e Açores.

PÚBLICO - Bardia (Nepal)
Bardia (Nepal) DR
PÚBLICO - Chumbe (Zanzibar)
Chumbe (Zanzibar) DR
PÚBLICO - Guiana
Guiana DR
PÚBLICO - Gozo (Malta)
Gozo (Malta) André Rodrigues
PÚBLICO - Torroella de Montgrí L’Estartit
Torroella de Montgrí L’Estartit DR
PÚBLICO - Goeree-Overflakkee (Dutch QualityCoast Delta - Holanda)
Goeree-Overflakkee (Dutch QualityCoast Delta - Holanda) DR
Fotogaleria
DR