Arqueologia

Egipto: descoberto túmulo com mais de quatro mil anos

As estátuas dentro do recém-descoberto túmulo de Wahtye, datado do reinado de Neferirkare Kakai, na área de Sacará, Egipto Mohamed Abd El Ghany/Reuters
Fotogaleria
As estátuas dentro do recém-descoberto túmulo de Wahtye, datado do reinado de Neferirkare Kakai, na área de Sacará, Egipto Mohamed Abd El Ghany/Reuters

É uma "descoberta única nas últimas décadas", descreveu Mostafa Waziri, secretário-geral do Conselho Supremo das Antiguidades, à agência Reuters. O achado foi revelado na passada quinta-feira, mas só foi apresentado aos jornalistas no sábado.

O túmulo, com mais de 4400 anos, situado na necrópole de Sacará, uma antiga cidade localizada no sul do Cairo, foi encontrado durante uma missão arqueológica no Egipto.

Os arqueólogos deparam-se com um túmulo extremamente bem conservado, decorado com hieróglifos e com cerca de 45 estátuas. Encontrar um jazigo nestas condições é raro, porque os assaltos são frequentes. As cores dos hieróglifos e das estátuas dos faraós também estão em excelente estado, o que voltou a surpreender os arqueólogos.

Mostafa Waziri, secretário-geral do Conselho Supremo das Antiguidades disse à agência Reuters que a descoberta está datada do reinado de Neferirkare Kakai, o terceiro rei da quinta dinastia do antigo Egito.

As escavações recomeçam em Janeiro, já que o túmulo ainda não foi totalmente desenterrado -- há mais quatro câmaras por estudar. As autoridades esperam, por isso, encontrar mais objectos.

Mustafa Abdo, chefe de escavação
Mustafa Abdo, chefe de escavação Mohamed Abd El Ghany/Reuters
No interior do túmulo estão cerca de 45 estátuas como estas
No interior do túmulo estão cerca de 45 estátuas como estas Mohamed Abd El Ghany/Reuters
Mohamed Abd El Ghany/Reuters
O túmulo tem mais de 4400 anos
O túmulo tem mais de 4400 anos Mohamed Abd El Ghany/Reuters
Jornalistas tiram fotografias dentro do túmulo
Jornalistas tiram fotografias dentro do túmulo Mohamed Abd El Ghany/Reuters
O túmulo tem cerca de 10 metros de comprimento, três de largura e três de altura
O túmulo tem cerca de 10 metros de comprimento, três de largura e três de altura Mohamed Abd El Ghany/Reuters
Mohamed Abd El Ghany/Reuters
O túmulo só foi parcialmente desenterrado. As escavações recomeçam em Janeiro
O túmulo só foi parcialmente desenterrado. As escavações recomeçam em Janeiro Mohamed Abd El Ghany/Reuters
Mohamed Abd El Ghany/Reuters
Mohamed Abd El Ghany/Reuters
Mohamed Abd El Ghany/Reuters
As cores dos hieróglifos e das estátuas dos faraós estão intactas
As cores dos hieróglifos e das estátuas dos faraós estão intactas Mohamed Abd El Ghany/Reuters
Mohamed Abd El Ghany/Reuters
Arqueólogo egípcio dentro do túmulo de Wahtye
Arqueólogo egípcio dentro do túmulo de Wahtye Mohamed Abd El Ghany/Reuters
Mohamed Abd El Ghany/Reuters
As cores dos hieróglifos e das estátuas dos faraós estão intactas
As cores dos hieróglifos e das estátuas dos faraós estão intactas Mohamed Abd El Ghany/Reuters
Mohamed Abd El Ghany/Reuters
Sugerir correcção