Museu PO.RO.S em Condeixa-a-Nova atinge 22 mil visitantes e é nomeado para prémio europeu

PO.RO.S - Portugal Romano é um espaço museológico que permite ao visitante experimentar e interagir com ambientes virtuais da época romana.

No museu recria-se modo de vida da vizinha Conímbriga
Foto
No museu recria-se modo de vida da vizinha Conímbriga Sergio Azenha

Mais de 22 mil pessoas já visitaram o PO.RO.S - Museu Portugal Romano em Sicó, Condeixa-a-Nova, nomeado para os prémios 'Heritage in Motion 2018', atribuídos conjuntamente pela Academia Europeia de Museus, Europa Nostra e Europeana, foi revelado nesta sexta-feira.

Inaugurado em Condeixa-a-Nova, em Maio de 2017, o PO.RO.S - Portugal Romano é um espaço museológico que permite ao visitante "experimentar e interagir com ambientes virtuais da época romana", ajudando a recriar o modo de vida da vizinha Conímbriga, uma das maiores povoações do Império Romano em Portugal.

Em pouco mais de um ano de funcionamento, o museu recebeu mais de 22 mil visitantes, afirmando-se como "um importante recurso complementar" a uma visita às ruínas de Conímbriga, permitindo ao visitante melhor compreender aquela época, através de inovadores sistemas multimédia

A nomeação para os 'Heritage in Motion 2018', anunciada hoje pela autarquia num comunicado enviado à agência Lusa, é encarada pelos responsáveis do museu como um reconhecimento pelo trabalho desenvolvido em pouco mais de um ano.

A competição distingue os melhores projectos multimédia que mostram, de forma criativa e inovadora, a herança cultural da Europa, "chamando a atenção para o valor do património cultural e natural, tangível e intangível". Os prémios serão entregues em cerimónia marcada para dia 21, em Aarhus, na Dinamarca.

"É uma honra para o município de Condeixa estar entre os finalistas desta competição, onde só os melhores têm lugar. Não podíamos estar mais orgulhosos pelo reconhecimento europeu da marca inovadora que quisemos dar ao Museu POROS, um dos mais vanguardistas e tecnológicos museus do país", afirma Nuno Moita, presidente da Câmara Municipal de Condeixa.

O autarca espera que a nomeação ajude "a conseguir atrair a atenção de todos os agentes culturais e turísticos regionais e nacionais, para a necessidade de trabalhar em conjunto na dinamização e promoção contínua do Museu PO.RO.S e do Eixo da Romanização, dois dos activos mais importantes da região".

Os projectos escolhidos pelo júri dos Prémios 'Heritage in Motion 2018' para fazer parte da shortlist da qual sairão os vencedores foram o de "Aplicações e Experiências Interactivas" e "Filme e Vídeo" desenvolvidos para o Museu PO.RO.S.

"Os novos desenvolvimentos em tecnologia multimédia desempenham um papel vital na disponibilização do património cultural aos cidadãos europeus. Os prémios 'Heritage in Motion' celebram os projectos europeus mais inovadores neste domínio", assinala a organização da competição europeia.

Os projectos agora nomeados, nomeadamente as instalações interactivas de que dispõe aquele museu, foram idealizadas e desenvolvidas em parceria pelos profissionais da Glorybox e M&A Digital.

Para a categoria "Filme e Vídeo" está nomeado o documentário "Romanização, Governo e Território" produzido pela empresa Quecena para o Museu PO.RO.S - Portugal Romano em Terras de Sicó.

"Esta não é a primeira vez que o PO.RO.S é destacado enquanto projecto inovador. No mês de maio, o Museu Portugal Romano em Sicó foi distinguido pela Associação Portuguesa de Museologia com o primeiro prémio na categoria de 'Aplicação de Gestão e Multimédia, esclarece o município de Condeixa-a-Nova, no distrito de Coimbra.