Revista de imprensa

Grupo empresarial francês compra LX Factory

O grupo Keys pretende aumentar a oferta de espaços para empresad e vai apostar na organização de eventos, para rentabilizar a popularidade do espaço. O conceito vai manter-se igual.

LX Factory
Foto
LX Factory Rui Gaudêncio/Arquivo

A LX Factory, empreendimento cultural e empresarial localizado em Alcântara, Lisboa, foi comprado pelo grupo empresarial francês Keys Asset Management, avança nesta quarta-feira o Jornal de Negócios.

A negociação foi realizada nos últimos meses, mas, até ao momento, não são conhecidos os valores envolvidos na transacção do espaço. Segundo apurou o Negócios, o grupo Keys comprou o LX Factory pela “rentabilidade do conceito que lá existe”, mantendo o conceito actual.

O grupo empresarial francês pretende requalificar alguns dos edifícios e aumentar a oferta para as empresas. Actualmente, muitas entidades pretendem instalar-se na LX Factory, mas faltam espaços no empreendimento. Segundo o mesmo jornal vão passar a existir novos espaços, permitindo acolher mais do que as 200 empresas sediadas actualmente em Alcântara.

De forma a rentabilizar a crescente popularidade da LX Factory, o grupo Keys vai ainda alugar alguns dos espaços para a realização de eventos. Este é o primeiro investimento que o grupo francês faz em Portugal.

Até agora, o LX Factory pertencia à empresa Mainside Investiments (liderada por João Carvalho), que começou o processo de transformação do espaço em 2008.