Morreu Carlos Matos Ferreira

Físico presidiu ao Instituto Superior Técnico, em Lisboa, entre 2001 e 2009.

Carlos Matos Ferreira em Novembro de 2000
Foto
Carlos Matos Ferreira em Novembro de 2000 Rui Gaudêncio

Carlos Matos Ferreira, presidente do Instituto Superior Técnico (IST) de Lisboa entre 2001 e 2009, morreu no último fim-de-semana, anunciou o IST esta segunda-feira. Tinha 66 anos.

Licenciado em engenharia electrotécnica no IST, doutorou-se depois em física na Universidade de Paris em 1976. Era desde 1979 professor catedrático do Departamento de Física do IST.

“Físico de renome internacional e um académico excepcional, o seu contributo para a ciência nacional e para a sociedade em geral foi reconhecido pelo Presidente da República Portuguesa, que o agraciou em 2005 com o grau de Grande-Oficial da Ordem do Infante D. Henrique”, sublinha o comunicado do IST sobre a morte de Carlos Matos Ferreira.

As últimas homenagens a Carlos Matos Ferreira terão lugar na Igreja de São João de Deus, em Lisboa, a partir das 17h desta terça-feira, e o funeral realiza-se na quarta-feira pelas 11h45, seguindo para o Cemitério dos Olivais.