Weso
Foto
Weso

Orquestra especializada em bandas sonoras vence PNIC 2014

A Weso, projecto do jovem André Miranda, venceu os 25 mil euros do Prémio Nacional das Indústrias Criativas. Edição 2014 teve 285 candidaturas

Uma orquestra especializada na criação de bandas sonoras para a indústria cinematográfica internacional venceu a 6.ª edição do Prémio Nacional das Indústrias Criativas (PNIC). André Miranda, o jovem criador da Western European Symphony Orchestra (Weso), recebeu assim 25 mil euros para investir e desenvolver o projecto.

Weso já produziu músicas para um filme protagonizado por Ben Stiller, a estrear em 2015, e os portugueses Rodrigo Leão e Samuel Úria constam, também, da lista de colaborações. Em comunicado, a organização do PNIC destaca a capacidade com que a Weso “alia o potencial artístico dos músicos portugueses com uma estrutura de custos competitiva, num negócio direcionado para as áreas de entretenimento e dos media”.

Além de Hollywood, esta orquestra chega também a conteúdos para publicidade, eventos ou videojogos. “Elevado conhecimento do meio e prestação musical de excelente qualidade e com custos reduzidos para o cliente” são os argumentos com que André Miranda responde aos desafios do mercado.

PÚBLICO -
Foto
Weso

O PNIC foi entregue esta quarta-feira, 15 de Outubro, numa cerimónia que teve lugar no Mercado Municipal de Matosinhos. A concurso estiveram 285 projectos, dos quais 10 se destacaram como finalistas. A Beesweet venceu a categoria “Turismo e Património”, a Calligraphy Practice destacou-se em “Conteúdos e Novos Média” e as Casas em Movimento em “Arquitectura e Artes Visuais”. A Weso venceu a categoria “Música e Artes do Espectáculo”, além do prémio final.

Como vencedor da 6.ª edição, a Weso vai ainda representar Portugal na Creative Business Cup, que acontece na Dinamarca entre 17 e 19 de Novembro próximos e procura o melhor empreendedor do sector a nível mundial, “escolhido entre mais de 50 países participantes”. O projecto Origama vai, também, juntar-se à Weso nesta competição internacional enquanto representante de Portugal.

O PNIC Super Bock/Serralves tem por objectivo “sustentar a associação do mundo empresarial à comunidade criativa, incentivando jovens empreendedores a transformar as suas ideias em negócio” e, desde que foi criado, em 2008, já apoiou mais de 60 projectos.

Notícia actualizada às 23h42 de 15 de Outubro de 2014