Funcionamento regular só em Maio de 2004

Ligação ferroviária directa entre Lisboa e Algarve arranca este Verão

A partir de Maio de 2004, os comboios pendulares deverão permitir chegar a Faro em 02h45 minutos
Foto
A partir de Maio de 2004, os comboios pendulares deverão permitir chegar a Faro em 02h45 minutos DR

A ligação ferroviária directa entre Lisboa e o Algarve vai arrancar já este Verão, de acordo com o ministro das Obras Públicas, Carmona Rodriges, que garantiu que a exploração comercial "vai começar muito em breve". Porém, o membro do Governo sublinha que o funcionamento regular da linha só será possível em Maio de 2004, quando for concluída a electrificação em curso, da responsabilidade da Refer.

Carmona Rodrigues, que seguia a bordo do primeiro comboio de ligação directa Lisboa-Algarve que partiu da Gare do Oriente às 10h03, explicou que, para já, a linha vai ser utilizada "progressivamente", "porque ainda estão a decorrer algumas obras".

O ministro adiantou que a visita de hoje, na véspera do primeiro dia oficial de Verão, "é emblemática" e serviu para lembrar que "vai ser possível, a muito curto prazo, ir de comboio até ao Algarve".

Neste Verão, os passageiros que pretendem deslocar-se até ao sul do país poderão ter um comboio directo por dia, ou dois por semana, uma situação que está ainda a ser estudada entre a Refer, responsável pela infra-estrutura ferroviária portuguesa, e a CP, operadora da exploração.

Segundo a tutela, a regularidade dos comboios está ainda dependente das obras que decorrem e de alguns condicionalismos na ligação. "Não queremos que a pressa seja prejudicial ao andamento dos trabalhos", disse Carmona Rodrigues.

A CP e Refer afirmam, por seu turno, estar preparadas para assegurar a ligação, assim que o Governo der "luz verde".

O presidente da CP, Crisóstomo Teixeira, garantiu que "uma semana depois de ser dada via aberta estaremos em condições de lançar um serviço inter-cidades".

As viagens iniciais ainda em fase experimental, a bordo de uma máquina a diesel, deverão durar cerca de quatro horas e meia.

Com a conclusão do projecto de electrificação da via, em Maio de 2004, os comboios pendulares deverão permitir chegar a Faro em 02h45 minutos.