António Domingues

Todos os tópicos

O ex-gestor da CGD vai ser ouvido na Comissão Eventual de Inquérito Parlamentar à atuação do XXI Governo Constitucional no que se relaciona com a nomeação e a demissão da Administração de António Domingues

  • O ex-gestor da CGD vai ser ouvido na Comissão Eventual de Inquérito Parlamentar à atuação do XXI Governo Constitucional no que se relaciona com a nomeação e a demissão da Administração de António Domingues

  • O actual presidente da Bolsa de Lisboa recusa entregar a declaração de património e dois outros elementos da equipa de António Domingues apresentaram pedido de sigilo, mesmo depois de se saber que este tinha sido recusado ao presidente da Caixa.

  • A audição realiza-se a 28 de Abril e será a primeira. Também Carlos Costa, Ricardo Mourinho Félix e Mário Centeno serão ouvidos. Socialista Luís TEsta deverá ser relator dos trabalhos.

  • Partidos não pediram, preto no branco, essas comunicações ao ex-presidente da Caixa que será ouvido na comissão de inquérito no dia 27.

  • Ex-administrador da CGD pediu sigilo sobre a sua declaração de património alegando segurança e reserva da vida privada da mulher. Considerava que ser mais rico do que os outros administradores o colocava num patamar de maior vulnerabilidade.

  • Mário Centeno, Carlos Costa, António Domingues e Ricardo Mourinho Félix vão ser ouvidos, mas só depois de a comissão de inquérito receber todos os documentos pedidos.

  • É difícil sustentar que as comunicações entre Centeno e António Domingues respeitam à esfera íntima da sua vida privada.