Enciclopédias: mutação ou destruição?

Sim, está muita coisa na Internet, mas não só não está “tudo” como muitas vezes o que está é incorrecto, falso e enviesado.

Ouça este artigo
--:--
--:--

As duas coisas. Importa-me a mutação, mas mais me importa a destruição. O deslumbramento com a chamada “transição digital” faz muito mais estragos no saber do que se imagina. Já não me refiro, como faço há mais de 20 anos, à crise e declínio da leitura, que começa agora a ter alguma atenção pelo facto de os suecos estarem a voltar ao papel nas escolas. Mas não chega em Portugal, onde um dos locais mais perigosos para este deslumbramento é o Ministério da Educação, com os estragos de vento em popa.

Os leitores são a força e a vida do jornal

O contributo do PÚBLICO para a vida democrática e cívica do país reside na força da relação que estabelece com os seus leitores.Para continuar a ler este artigo assine o PÚBLICO.Ligue - nos através do 808 200 095 ou envie-nos um email para assinaturas.online@publico.pt.